Marketing, Marketing basics

App que simula escravidão gera revolta nas redes sociais

Após polêmica, Google remove aplicativo de simulação de escravidão da loja virtual.

Estamos no século XXI, onde avanços tecnológicos como inteligências artificiais e exploração espacial estão em constante desenvolvimento. No entanto, mesmo com todo progresso, ainda nos deparamos com formas de negócios que causam controvérsias e indignação. Recentemente, um caso semelhante chamou a atenção.

A empresa de jogos Magnus Games, reconhecida por títulos como Re:Legend e Fast Chess, lançou um aplicativo que gerou uma onda de revolta entre os usuários. O jogo em questão, intitulado “Simulador de Escravidão”, propunha aos jogadores a experiência de serem proprietários de escravos.

Essa proposta causou extrema indignação e revolta. Muitos usuários e ativistas consideraram o conteúdo do jogo altamente ofensivo e insensível. Afinal, a simulação da escravidão é uma representação dolorosa de um período sombrio de nossa história. A ideia de permitir que os jogadores desempenhassem o papel de proprietários de escravos foi considerada uma tentativa de banalizar o sofrimento vivido por milhões de pessoas ao longo dos anos.

Diante da pressão e das críticas, a Magnus Games foi obrigada a tomar medidas em resposta à controvérsia. A empresa emitiu um comunicado oficial, no qual reconheceu a gravidade da situação e pediu desculpas pela insensibilidade do conteúdo do jogo. Além disso, comprometeu-se a remover imediatamente o “Simulador de Escravidão” da sua plataforma e a rever suas políticas de desenvolvimento de jogos para evitar a repetição de situações semelhantes no futuro.

Mas o que você pode aprender nessa história toda?

Abre o teu bloquinho de notas porque o que vou te ensinar agora é além de importante, é essencial. 

✅ 1. Nunca esqueça de ter sensibilidade cultural e histórica – seu produto/serviço não pode ofender grupos ou pessoas. É fundamental considerar o impacto potencial que um conteúdo pode ter. 

✅ 2. Avaliação de conteúdo não é besteira – antes de lançar qualquer produto ou serviço, é essencial realizar uma avaliação minuciosa. Sempre considere o contexto histórico, a diversidade de experiências e as possíveis ramificações éticas e culturais. Ao fazer isso, você evita polêmicas desnecessárias e garante que seus produtos sejam inclusivos e respeitosos.

✅ 3. Estabeleça e propague seus valores – tenha sempre em mente os valores e a imagem de sua marca ao lançar novos produtos. É fundamental garantir que o conteúdo esteja alinhado com esses valores e que não comprometa a reputação da empresa. Ao tomar decisões relacionadas ao marketing digital, é essencial considerar o impacto potencial nas percepções dos consumidores e na fidelidade à marca.

✅ 4. Entenda a importância do diálogo e do pedido de desculpas – errar é humano, uma hora ou outra vai acontecer com você. Erros são aceitáveis; continuá-los ou omiti-los, não. Pedir desculpas de forma sincera e demonstrar um compromisso genuíno em aprender e melhorar pode ajudar a mitigar danos à imagem da empresa e reconstruir a confiança dos consumidores.

Casos tristes como esse nos ensinam muito. Ensinam sobre valores de marca, sensibilidade cultural, responsabilidade na moderação de conteúdo e a importância do diálogo com os consumidores. No mundo do marketing digital, é fundamental compreender que as ações e decisões das empresas podem ter impactos significativos na percepção pública e na relação com o público-alvo. Inovar é necessário, mas inovar com responsabilidade é ser sábio. 

Post Tags :

marketing digital, publicidade

Com licenciatura em Inglês, a Mikallen é redatora em dois idiomas e também Analista de Marketing e Publicidade. Ama Friends e não perde um episódio de The Office na hora do almoço.

Sobre nós

Auxiliamos empresas a crescerem em todos os mercados através de estratégias validadas e consolidadas.

Receba uma consultoria gratuita

Converse com especialistas prontos pra transformar a imagem da sua empresa on e offline e entenda ainda mais como podemos transformar o seu negócio.

× Fale com a gente ;)